Vídeos

Miguel Viveiros de Castro

MUNDURUKÂNIA

Mundurukânia era como os portugueses chamavam todo o vale do rio Tapajós no século XIX, território dos Munduruku. As extensas terras pretas demonstram que a ocupação é muito antiga. Os losangos com que eles se pintam estão nos cacos milenares de cerâmica. Tudo isso pode ficar debaixo da água das hidrelétricas planejadas. Antes mesmo de ser estudado.

Miguel Viveiros de Castro

PIAUÍ ENTOCADO

Miguel Castro dá voz à população local para contar a história de Niède Guidon no Piauí. Agora com a retomada da missão francesa, a Serra da Capivara assume o lugar que merece no cenário arqueológico mundial. Com trilha sonora de Carlos Malta & Pife Moderno, o espectador vai conhecer a Capela Sistina de nossa pré-história, em plena Serra das Confusões.

Miguel Viveiros de Castro

A TORNALLÓM

A resistência de uma comunidade rural na Espanha.

O documentário sobre a comunidade La Punta, em Valência, na Espanha, que resistiu aos avanços da especulação imobiliária durante 10 anos, é um pouco da história de tantas comunidades massacradas pelo capitalismo globalizado. Miguel Castro retrata os últimos dois anos dessa luta: a dor, a revolta, as alegrias das pequenas conquistas, a solidariedade.

Vencedor de prêmios na Espanha, México, Turquia e Itália.

Solange Bastos

CARMENCITA DESCOBRE A REDE ECOLÓGICA

A espantalha Carmencita veio da Espanha e quer conhecer as hortas do Brasil e da América Latina. Como uma repórter, ela acompanha a experiência de uma rede de consumo responsável de produtos agroecológicos, no Rio de Janeiro. E conta essa história no Fórum Social Mundial em Caracas, na Venezuela.

Miguel Viveiros de Castro

BRAD, UMA NOITE MAIS NAS BARRICADAS

Ao contar como o amigo Brad Will foi assassinado por um paramilitar, no México, enquanto filmava a rebelião popular em Oaxaca, em outubro de 2006, o diretor Miguel Castro faz um filme emocionante sobre os movimentos que se multiplicavam em vários países, chamados pela grande mídia de “antiglobalização”. A luta continua, garante Miguel, de câmera na mão.

Em junho de 2009, “Brad” foi selecionado para a mostra Panorama do XI Festival Internacional de Cine de Direitos Humanos, realizado na Argentina.

Miguel Viveiros de Castro

EM BUSCA DA CAIXA-PRETA DO GOLPE DE 64

O militante sindical Mello Bastos sai em busca da caixa-preta das lutas em que participou nos anos que antecederam o golpe militar de 1964. Ao procurar os velhos companheiros e percorrer caminhos da época, revelam-se detalhes preciosos que a história não tinha registrado, como numa reportagem investigativa.

Miguel Viveiros de Castro

VERDADE VERDADEIRA

Pela primeira vez o alagoano Paulo de Mello Bastos retorna ao engenho em que nasceu, em Alagoas, acompanhado de irmãos que só agora conheceu, nascidos fora do casamento do pai, o temido major Bastos. A volta às origens tantas décadas depois traz a melancolia de encontrar a mesma pobreza, mas em meio ao carinho de sua gente.